Marco Aurélio

Mestre de Vida: Groucho Marx

Groucho Marx Groucho Marx 1890 - 1977

Groucho Marx

Groucho Marx foi um grande personagem do humor americano da primeira metade do século XX. Seu verdadeiro nome era Julius Henry Marx. Foi considerado um dos mestres do humor. Fez treze filmes com seus irmãos, os Irmãos Marx. Groucho também teve uma carreira solo bem-sucedida, especialmente como apresentador de game shows de rádio e televisão

A família Marx cresceu num bairro judeu perto de Manhattan, na virada do século.

Groucho seguiu o caminho artístico da família de sua mãe - o avô era mágico e a avó tocava harpa. Os mesmos sonhos no palco dividia com a mãe. Durante toda sua vida, Groucho superou sua falta de educação formal com o exercício constante da leitura.

Depois de inúmeras tentativas, inclusive como cantor,

acabou indo parar no teatro de comédia junto com seus três irmãos (Chico, Zeppo e Harpo) com quem formou um dos grupos humorísticos mais conhecidos de todos os tempos.

Groucho fez 26 filmes, 13 deles com os irmãos. Desenvolveu um personagem muito pitoresco e espirituoso, que tinha um andar de galinha, além de sempre se apresentar com charuto, bigodes e sobrancelhas exagerados pintados a graxa.

Ensinamentos:

O humor é a razão a enlouquecer

Eu, e não os acontecimentos, têm o poder de me fazerem sentir feliz ou infeliz. Posso escolher como é que quero estar. O ontem está morto, o amanhã ainda não chegou. Eu tenho apenas este dia, o de hoje, e vou ser feliz enquanto este decorrer.

É melhor ficar calado e parecer tonto do que falar e despejar suas duvidas

A Filosofia é a ciência que nos ensina a ser infelizes da maneira mais inteligente.

Pode ser que ele se pareça com um idiota e até mesmo que fale como um idiota. Mas não deixe que isto o engane. Ele realmente é um idiota.

A sinceridade e a honestidade são as chaves do sucesso. Se puderes falsificá-las, estás garantido.

Antes que eu discurse, tenho algo importante para dizer.

A política é a arte de procurar problemas, encontrá-los em todos os lados, diagnosticá-los incorretamente e aplicar as piores soluções.

Se acredito na vida após a morte? Não sei nem se acredito na vida antes da morte! Acho que acredito na morte durante a vida

Há tantas coisas na vida mais importantes que o dinheiro. Mas, custam tanto.

Estes são os meus princípios. Se você não gosta deles, eu tenho outros.

Eu bebo para fazer as outras pessoas interessantes.

Porque é que eu haveria de me preocupar com a posteridade? O que é que a posteridade alguma vez fez por mim?

Eu nunca esqueço um rosto, mas no teu caso ficarei satisfeito em abrir uma excepção.

Um gato preto a atravessar o meu caminho significa que o animal está a ir para algum lado.

VOLTAR À PÁGINA INICIAL